• Porta11

Execução

24 Meses

Enquadramento:

O projeto foi pensado tendo em consideração a situação atual, que provavelmente manter-se-á no futuro, e que exige novas respostas nestes territórios que se caracterizam por carências a nível de equipamentos e de literacia digital. Assim, as estruturas e know-how criados e trabalhados durante o projeto manter-se-ão após o seu término, conferindo maior resiliência e capacidade de adaptação a estas comunidades, e sobretudo em camadas mais vulneráveis como crianças e seniores, face aos novos contextos sociais de distanciamento e isolamento social.

Destinatários

  • Crianças
  • Jovens
  • Seniores
  • Famílias
  • Comunidade

Objetivo:

O projeto pretende reduzir a infoexclusão de famílias carenciadas ou inseridas em contextos vulneráveis, disponibilizando às crianças equipamentos informáticos recondicionados/reparados na oficina local que será criada para que possam prosseguir os seus estudos à distância. Pretende-se, também, capacitar famílias, professores, jovens e seniores da comunidade com competências informáticas e acesso a equipamentos informáticos num espaço comum, dotando-os de maior independência e literacia digital.

Local de Intervenção:

  • Portugal Novo (Areeiro)
  • Murtas (Alvalade)
  • Bela Flor (Campolide)
  • Liberdade (Campolide)
  • Quinta do Tarujo (Campolide)
  • Rego (Avenidas Novas)
  • Pena (Arroios)
  • Sete Moinhos (Campo de Ourique)
  • Casal Ventoso (Campo de Ourique)
  • João de Brito/ Pote D’Água (Alvalade)
  • José/ Santa Marta (Santo António)
  • Cooperativas 25 de Abril / Unidade do Povo (Alvalade)
  • Anjos (Arroios)

Atividades:

  • Criação de uma Oficina de recondicionamento de equipamento informático, para posterior doação de computadores à comunidade escolar.
  • Linha de apoio (helpdesk) para resolução de questões técnicas, disponível a professores e comunidade.
  • Criação de um Espaço comunitário no Bairro da Liberdade, Campolide, Lisboa.
  • Realização de Oficinas Repair Café, reparação de pequenos eletrodomésticos.
  • Visitas domiciliárias a Seniores, para combater o isolamento social e aumentar a literacia digital.
  • Programa de capacitação de jovens na área da informática.
  • Sessões de capacitação com a comunidade escolar, novas metodologias de ensino à distância.

Entidade promotora e parceiras:

Promotora: ADM Estrela

Parcerias informais institucionais:

Junta de Freguesia de Campolide

Agrupamento de Escolas Marquesa de Alorna

Fundação Aga Khan

Gebalis

FabLab

Santa Casa de Misericórdia de Lisboa / Projeto Radar

Parcerias Grupos Informais:

Grupo Comunitário Liberdade e Serafina

RedEmprega Vale de Alcântara

Redes Sociais do Projeto: